Acesse o novo site

Em 21/05/2019 05:26, Categoria: Geral

Geologia e produção de pedras preciosas são temas de palestra na Casa da Cultura Athos Branco


Texto e foto: Franciele Moraes

Palestra sobre a “Geologia de Lagoa Vermelha e o seu potencial para produção de pedras preciosas” ocorreu por meio da Associação Cultural Mônica Bonotto (ACMB), na terça-feira, 20 de maio. A atividade foi ministrada na Casa da Cultura Athos Branco, em Lagoa vermelha pelo geólogo e gemólogo lagoense, Pércio de Moraes Branco. O evento contou com a presença de escolas, além de uma apresentação musical do artista Diego Granza, em homenagem ao geólogo e aos 138 anos de emancipação político administrativa do Município.

Segundo a coordenadora do evento e voluntária da ACMB, Dione Gollo, o tema pedras preciosas causa curiosidade nos participantes. O prefeito Municipal Gustavo Bonotto, diz que é uma honra receber Pércio, um convidado conterrâneo que se tornou um especialista do gênero. Gustavo também fala da possibilidade do Município em gerar renda na produção de joias. “Quando pensamos em quais atividades trazer para o segundo semestre, nos perguntamos – da mesma forma que o artesanato é um hobby ou fonte renda no Município, por que não pode ser também por meio de pedras preciosas? ”, declara.

Pércio explica que o Rio Grande do Sul é o maior produtor de ágatas do mundo, e existe uma enorme extensão de pedras basálticas aqui no estado, inclusive Lagoa Vermelha faz parte dessa dimensão. “São rochas vulcânicas formadas há cerca de 140 milhões de anos.  Elas servem para fazer paralelepípedos, calçadas, lajotas, etc. Os minerais encontrados em pequena quantidade no basalto são: ágata, ametista, cristal-da-rocha, entre outros”, esclarece o geólogo. Pércio destaca que todas as pedras são preciosas, sejam caras ou baratas.

O geólogo foi diretor do Museu de Geologia do RS por 13 anos e responsável pelo mapa geológico do Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Já ministrou cursos e palestras em vários estados do Brasil e no exterior, incluindo na Argélia, no deserto do Saara. Além da palestra, será realizada uma exposição, na quarta-feira, 22 de maio, com a temática “A Surpreendente Beleza dos Minerais”, com o acervo pessoal de Pércio, na Casa da Cultura Athos Branco, no período da manhã e tarde.



Publicado por: Assessoria de Imprensa
Esta notícia foi visualizada 200 vez(es).