Em 03/12/2018 03:40, Categoria: Saúde

Programação do Dezembro Vermelho 2018 iniciou nesta segunda-feira (03)


Em 1987, a ONU criou esta campanha e, em 1991, a fitinha vermelha surgiu com artistas de Nova York, para lembrar a luta contra a AIDS e transmitir compreensão, solidariedade e apoio aos portadores do vírus HIV. No Brasil, o projeto foi adotado em 1988, pelo Ministério da Saúde.

Transmissão: O vírus pode ser transmitido através de relações sexuais sem proteção; compartilhamento de seringas contaminadas; e de mãe para filho durante a gestação ou amamentação.
Prevenção: Utilizar seringas e agulhas descartáveis; Sempre fazer o uso do preservativo durante as relações sexuais; Mães contaminadas pelo vírus devem usar antirretrovirais (medicamento para impedir a multiplicação do vírus no organismo) durante a gestação.
Tratamento: O tratamento da Aids é feito com medicamentos antirretrovirais que são fornecidos gratuitamente pelo SUS. Estes medicamentos combatem o vírus e fortalecem o sistema imunológico, mas não curam, pois a cura ainda não foi descoberta.

A Secretaria Municipal da Saúde vai realizar uma programação diversificada, com várias atividades alusivas à campanha. A iniciativa que conta com ações como palestras, testes rápidos, peça teatral, rodas de conversa, caminhada, panfletagem para orientação, entre outras, iniciou nesta segunda-feira (03). A abertura oficial da campanha será realizada nesta quarta-feira (05), às 8:30h, com a caminhada “Luta contra a AIDS”, com saída da Secretaria Municipal da Saúde e a participação das Agentes Comunitárias de Saúde. Posteriormente ocorrerá a apresentação de uma peça teatral e palestra na Casa da Cultura Athos Branco.

Clique aqui e confira a programação completa

 



Publicado por: Assessoria de Imprensa
Esta notícia foi visualizada 85 vez(es).