Acesse o novo site

Em 18/07/2019 05:42, Categoria: Saúde

Secretaria da Saúde realiza campanha de combate a Hepatites Virais


Por: Franciele Moraes | PMLV

Foto: Senado Federal | divulgação

Atividades referentes a campanha “Julho Amarelo: Lagoa Vermelha no Combate as Hepatites Virais”, irão ser desenvolvidas por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), no dia 30 de julho, das 9h às 16h, em frente à Prefeitura.  Serão disponibilizados teste rápidos e gratuitos para Hepatite B e C, entrega de resultados e encaminhamentos, e também, distribuição de material informativo e preventivo, verificação de pressão arterial, glicemia capilar e avaliação do índice de massa corporal (IMC).

Segundo o Ministério da Saúde, a hepatite é uma inflamação no fígado, que pode ser causada por vírus ou pelo uso de alguns medicamentos, álcool e outras drogas, além  de enfermidades autoimunes, metabólicas e genéticas. Em alguns casos, são doenças silenciosas, e muitas vezes não apresentam sintomas. Os tipos de vírus estão classificados em A, B, C, D e E.

O panorama atual do Brasil, de acordo com os dados do Ministério da Saúde, são de 40.198 casos novos em 2017. De 1999 até 2017 são 718.837 pessoas notificadas com hepatites virais, e a maioria (60,7%) têm vírus circulante no sangue. O Boletim Epidemiológico de 2018 informa que a ocorrência da doença dobrou em homens de 20 a 39 anos. No país mais de 70% (23.070) dos óbitos por hepatites virais são decorrentes da Hepatite C, seguido da B (21,8%) e A (1,7%)

Entre as formas de transmissão estão: condições precárias de saneamento básico e água, de higiene pessoal e dos alimentos, contato com sangue, por meio de compartilhamento de seringas, agulhas, lâminas de barbear, alicates de unha e outros objetos que furam ou cortam; durante a gravidez e o parto, relação sexual desprotegida, transfusão de sangue, entre outros. O Ministério da Saúde também explica quais são as formas de tratamento. A hepatite C tem cura em mais de 90% dos casos, já as hepatites B e D possuem tratamento e podem ser controladas.



Publicado por: Assessoria de Imprensa
Esta notícia foi visualizada 116 vez(es).